ACESSIBILIDADE

Texto: Andrea Giovanna
Fotografias: arquivo pessoal

ACESSIBILIDADE 
Sim,  com essas fotos  quero chocar! Mas se não for assim, será que conseguiremos conscientizar? Uma na cadeira de rodas, outra cansadíssima quando na última sala da exposição encontrei um puff para sentar. Hoje, quero que minha fala represente todos aqueles que simplesmente estão em casa sem poder ir em lugares que gostariam, mas não tem a possibilidade. Hoje quero falar de acessibilidade. 
Sim, apesar de não aparentar, tenho limitações físicas decorrentes de um acidente. Fico pensando,  se para mim um simples lazer pode ser desgastante, ou limitante, imagino para quem tem outras limitações, ou é cadeirante.
Quantos lugares, teatros, museus, hotéis , restaurantes não tem acessibilidade. Essa semana fui no Paço Imperial, e no CCBB para uma exposição que estava nos dois espaços e, mais uma vez me deparei com essa realidade. Essa falta de estrutura para atender as necessidades especiais. 
Então fica aqui o meu, o seu, o nosso protesto por mais acessibilidade, por mais possibilidades...

Comentários

  1. Protesto justificado e verdadeiro! Falta MUITO!!! Belo grito!!! beijos, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Muito bom amiga!!! Conscientização por mais acesso a todos👏🏾👏🏾👏🏾😘⚘

    ResponderExcluir
  3. Sim, é preciso mais consciência e planejamento para que a acessibilidade seja para todos.
    Ótima reflexão.
    Beijos, amiga.

    ResponderExcluir
  4. Como olhamos o mundo!! Tantos problemas, tantas dificuldades, mas também muitas oportunidades de ajudar e facilitar a vida do semelhante. Cabe cada um de nós fazermos nossa parte e aqueles que nos representam usem de sua tarefa como gestor, diminuir essas lacunas . Abraços Fraterno

    ResponderExcluir
  5. Belo grito! Estamos juntas nessa! Conte comigo!

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pelo texto. Muito pertinente. Precisamos de mais inclusão.

    ResponderExcluir
  7. É preciso consciência
    Um olhar,
    Mais ação

    ResponderExcluir
  8. Olá Andrea!
    Seu texto é belo!
    Devemos nos colocar no lugar do outro, para entender suas necessidades e suas dificuldades.
    Parabéns pela postagem.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  9. Verdade , muita dificuldade para quem tem necessidade especiais , muito bacana Andréa , bjos querida ♥️😘

    ResponderExcluir
  10. Cada vez que estou empurrando a minha mãe na cadeira de rodas, vejo como as calçadas estão cheias de buraco, como os carros não deixam passar e fico só pensando nas dificuldades de um cadeirante que vai, por exemplo, sozinho para o trabalho. A cadeira é um equipamento para facilitar, mas a falta de políticas públicas só dificulta.

    ResponderExcluir
  11. Boa noite Andrea,
    Que grito oportuno, está faltando conscientização sim, enquanto isso sobra olhares indiferentes. Um texto pra ler, reler e divulgar.

    Feliz Natal querida.
    Bjss

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde Andrea,

    Gostei do seu grito, acho um descaso para com os portadores de necessidades especiais, da mais simples à mais problemática, sei bem o que é isso , tenho 4 sobrinhos cadeirantes e vejo o qto eles sofrem.

    Gostei do seu texto.

    Bom fim de tarde

    Bjss

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

ACOLHER

REENCONTROS

NATAL